Balanço do mês #1

31 agosto 2011


Decidi relatar como foi esse meu primeiro mês de poupança porque sei que não adianta eu ficar aqui teorizando a respeito do assunto sem mostrar um resultado concreto, que ajude e inspire. Penso até em fazer um post a cada fim de mês só sobre isso, caso vocês considerem que essa seja uma idéia interessante e útil. A caixa de comentários tá aí pra isso, então não deixem de opinar, seus lindos.

Agosto superou minhas expectativas. Comecei o mês com uma senhora fatura de cartão de crédito, então me obriguei a fechar a mão violentamente. Mesmo com essa herança dos meus tempos de consumo relativamente despreocupado, minha conta terminou no verde - e com uma folguinha, até. Ainda não sei se tenho sorte, juízo ou um pouco das duas coisas juntas, pra ser bem sincera.

Se eu sofri durante o mês? Nem tanto. Não fiquei na penúria, não passei vontade nem nada. Tanto é que comprei três livros. Os dois primeiros eu encontrei em promoção, então levei porque sabia que dificilmente encontraria mais em conta. O terceiro eu comprei no Book Depository, site que não cobra frete e que eu ainda pretendo resenhar. Juro pra vocês: gastei só um pouco mais de cinqüenta reais nos três volumes juntos. Vencer!

Só que lá pelas tantas eu fui convidada pra uma festa de formatura e meio que me desesperei, porque não consigo ir a uma dessas sem deixar mais uns cinqüenta reais no salão de beleza. Pois bem: dessa vez meti a cara e fui eu mesma fazer meus cabelos e unhas. As unhas ficaram bem melhores do que costumam ficar quando faço no salão, no final das contas. Até considero seriamente a dispensa total de manicures.

Como estou na reta final da faculdade, não vou todos os dias pra lá e então economizo razoavelmente com o transporte. Só não é melhor porque uma das matérias que faço esse semestre é dada em outro local, o que faz com eu gaste uns passes a mais. Um dos meus colegas de turma, no entanto, mora pertinho de mim e me ofereceu carona. Lógico que aceitei. Não era o tipo de dica que eu pensava em seguir, mas vai facilitar muito a minha vida até o fim do ano.

O próximo mês deve começar com a fatura do cartão de crédito chutando bundas novamente, mas como não comprei nada com ele esse mês, a situação tende a melhorar. Se tem uma coisa que eu recomendo a vocês é que guardem o dinheiro antes da compra, ao invés de fazer a compra e pagar depois. Pagar o cartão é sofrível, mas juntar os trocados é palatável e dá aquela sensação boa de realização.

6 comentários

  1. My, às vezes penso que você tem um excelente autocontrole financeiro! Também sou louca por viagens (para Londres, melhor ainda). Vou seguir seus passos, menina! Então, vai dar tudo certo, você vai conseguir! =)

    Aguardo os próximos passos! *-*

    Beeeijos!

    ResponderExcluir
  2. Aw, Ju, obrigada! Mas eu tou tentando melhorar isso, digamos. Meio que quero virar ainda mais mão de vaca do que já sou, haha.

    Se for seguir os passos, me conta os resultados! :)

    :*

    ResponderExcluir
  3. Queria ter esse autocontrole! Não tô podendo nem comprar balinha, mas quem disse que eu seguro a piriquita? hahaha

    (mas tô tentando me inspirar com o blog, anotar e SEGUIR as dicas, enfim.)

    ResponderExcluir
  4. Pior que mesmo com esse autocontrole, eu ando meio ferrada, Ferfa! HAHAHA. Mas se tudo sair conforme o esperado, mês que vem as coisas finalmente se acertam.

    Espero que tu consiga te ajeitar com as despesas e tal, querida. :)

    :***

    ResponderExcluir
  5. Me identifiquei bastante com vc qd li o blog pela primeira vez e agora dps de ter lido esse post ainda mais!

    Enquanto todas as outras crianças/adolescentes queriam ir pra Disney eu queria ir pra Inglaterra. Os anos passaram, a família passou por uns mals bocados e acabou que só tive oportunidade de começar a guardar dinheiro agora que finalmente consegui um estágio remunerado.

    Nem precisa de falar quantas coisas eu deixo de fazer pra nçao gastar dinheiro né? Mesmo assim vou ler suas dicas!

    Bjs!
    Evelyn Marques
    http://newromantic.net

    ResponderExcluir
  6. Acho que eu sou a única pessoa além de ti que nunca cogitou ir pra Disney, Evelyn. HAHAHA.

    Se tu tiver dicas pra compartilhar, ficarei muito feliz e agradecida em ouvir. <3

    :*

    ResponderExcluir