Você vai acabar mudando de idéia

09 agosto 2011

Hoje mais cedo, enquanto eu limpava o meu quarto, minha mãe veio conversar comigo sobre a onda de violência que vem atingindo Londres nos últimos dias. Esse é um assunto que merece um texto próprio, sem dúvidas, mas acho que ainda é muito cedo pra falar sobre. Notícias aparecem a todo instante, há muito desencontro de informações e eu prefiro não fazer julgamentos precipitados.

O negócio é que minha progenitora, com ares de mãe coruja, decretou que eu não poderia viajar caso a situação não entrasse nos eixos por lá. Eu, paciente, expliquei que ela não tinha razão para maiores preocupações, já que é um tanto improvável que a situação toda persista por, sei lá, mais cinco anos, e que eu viaje pra lá antes desses tais cinco anos. A reação dela, porém, não foi de alívio e fim de papo, não.

Mamãe meio que deu de ombros e afirmou, com arzinho de desdém, que até lá eu acabaria mudando de idéia. Pois é. Minha mãe, que sabe bem da minha vontade louca de viajar pra Grécia desde o berço e que sabe, também, que eu nunca simplesmente acabei mudando de idéia. Aquela que devia ser minha maior incentivadora tentando fazer com que eu desista da idéia usando o maior clichê retórico do universo.

Pois eu disse uma coisa a ela que acho que pode ser válida pra vocês: eu mudei de idéia. Eu passei aproximadamente quatro meses sonhando com o dia em que teria dinheiro pra visitar Londres, até que eu resolvi começar a fazer alguma coisa pra tornar esse sonho uma realidade. Foi a parte mais difícil, sem dúvidas, e hoje eu me arrependo de não ter tomado essa decisão mais cedo.

É trabalho de formiguinha? Sim, é. É difícil? Relativamente. Depende da força de vontade e dos recursos de cada um. Mas só o fato de eu poder fazer isso já faz com que eu me sinta absurdamente privilegiada. Quantas pessoas sustentam famílias inteiras com um salário mínimo? Então não digam que eu não posso ou que eu não devo. Tem gente que faz muito mais que eu - e com muito menos.

6 comentários

  1. Sempre tem alguém pra dizer que a gente vai mudar de ideia, né? No meu caos, é sempre a minha mãe que vem me botar pra baixo, heh. Mas tu realmente fez a parte mais difícil e eu tenho orgulho disso. ^^

    :*

    ResponderExcluir
  2. E o pior é que é sempre assim pra tudo, né? Qualquer decisão parece menos legítima só porque existe a possibilidade de tu mudar de idéia.

    Obrigada, sua linda. Eu tenho é orgulho de ser sua amiga! <3

    :*

    ResponderExcluir
  3. É trabalho de formiguinha... mas e daí? Cara, eu quero ir pro Canadá em menos de 4 anos, sabe quantas pessoas olham pra mim daquele jeito que diz "ah tá bom, até parece?". Não to nem ae. Acho que qdo a gente coloca uma coisa na cabeça, tem que correr atrás disso e dane-se o resto do mundo. E onda de violência em Londres? Ela já viu a onda de violência em São Paulo, onde por sinal vc estava ha uns 20 dias atrás? Violencia tem em qualquer lugar. Só acho ruim qdo a gente tem um sonho e vem sempre alguem tentando pisar nele como se ele fosse uma formiga inútil. Da licença né, cada um com seus devaneios e loucuras... e como vc disse, tem gente que sustenta família com salário mínimo, pq a gente não pode conseguir algo que quer??

    ResponderExcluir
  4. Nós ainda precisamos trocar figurinhas sobre nossos planos de viagem, né, Dy? Haha. E sobre isso de violência... Bem, não é como se Florianópolis estivesse fora desse mapa, também. Bem pelo contrário.

    :*

    ResponderExcluir
  5. Por que as pessoas acham que mudar de idéia é uma coisa tão ruim? Gente, o tempo todo eu mudo de idéia sobre tu-do. Pode mencionar qualquer coisa - eu já tive uma idéia sobre isso e já mudei. E mudei de volta. E mudei de novo.
    A vida é assim, ué! Cada momento revela uma informação nova, uma vontade diferente. É normal.
    Se quando você tiver a grana a vontade de ir pra Londres tiver passado... Você vai ter a grana! Vá pra outro lugar, faça um curso, compre bugigangas, qualquer coisa.
    O problema é querer gastar e não ter - mas uma vez que você tiver, com certeza vai ter no que gastar. E vai valer a pena!

    Mas eu não acho que você vai perder a vontade de visitar Londres XDDD
    Relaxa - até lá, sua mãe vai mudar de idéia!

    ResponderExcluir
  6. Pois, Gabizinha, é o que eu fiquei pensando. É tão bom mudar de idéia! HAHAHA. E né, quando tu pode mudar de idéia é ainda melhor. Não faço questão de ser cabeça dura, não. Não sei de tudo, só sei o que quero nesse momento. O pior que pode acontecer é eu acabar com um monte de dinheiro, mesmo. XD

    Obrigada por esse comentário. Mesmo. <3

    :*

    ResponderExcluir