Ah, a indecisão

20 agosto 2012


Existe um grande problema em se fazer planos em longo prazo: a gente se acomoda tanto em apenas desejar a concretização deles que quando isso realmente está perto de acontecer, ficamos completamente desnorteados. Quem nunca sonhou em terminar a escola ou a faculdade de uma vez por todas e entrou em pânico quando percebeu que existia vida depois disso, não é mesmo?

Sim, amigos, pela primeira vez em mais de um ano, eu entrei em pânico a respeito dessa história de ir pra Londres. Mas não sobre o que vou fazer depois da viagem – se tudo der certo, quero continuar guardando dinheiro pra fazer outras coisas -, e sim sobre o que fazer nos próximos meses e durante meus dias por lá. Em termos mais simples: como, quando, com quem?

Pois é, eu ainda não decidi se vou pra lá fazer um curso de inglês de um mês ou se vou apenas turistar e aproveitar para dar um pulo em algum outro país. As duas coisas seriam bem legais, certo? Mas não sei se conseguiria me virar sozinha na maior cidade da Europa, caso optasse pelo intercâmbio, e também não acho que seria justo passar apenas uma semana na Inglaterra, considerando o tempo que levei pra juntar o dinheiro.

O impasse entre intercâmbio e turismo acaba interferindo em todos os outros aspectos, obviamente. Se eu fizesse um intercâmbio, acho que viajaria em abril. Ou seja, não apenas passaria meu próximo aniversário na terra da rainha, como economizaria um bom dinheiro, também. Já uma viagem com pretensões turísticas aconteceria lá pelo fim de julho, o que significa mais dinheiro por um período bem menor de tempo...

Por fim, chegamos ao meu maior dilema: a companhia. Como disse lá em cima, se escolhesse o intercâmbio, provavelmente me sentiria bastante vulnerável fazendo tudo sozinha. Já para fazer a turista eu tenho dois amigos que talvez possam embarcar junto, o que tornaria tudo mais fácil e prazeroso. Né, bem mais legal compartilhar um momento desses com pessoas queridas.

E então, quais conselhos vocês têm para esses meus first world problems?

42 comentários

  1. Acho que vc deve optar pelo caso em q estiver melhor acompanhada...

    ResponderExcluir
  2. Primeiramente não aconselharia ir pra lá em julho nem a turismo nem intercâmbio! Lá já é normalmente muito cheio de turistas e nesse época ainda deve ficar insuportável. Realmente atrapalha aproveitar vários dos passeios.

    O que eu pude perceber pelo meu intercâmbio é que tá todo mundo tão carente de companhia (e talvez com medo de ficar sozinho) que fazer amigos foi extremamente fácil. Para falar verdade eu não consegui dar atenção e passear com todo mundo que eu conheci e que me convidou, chamou, etc.

    No caso da EF eles faziam vários programas como passeio de barco, passeios aos museus, viagens de fim de semana em grupo e era legal por ia todo mundo junto.

    Eu consigo me virar lá melhor que consigo me virar aqui na minha cidade. O lugar é muito preparado para receber turistas, tem supermercado e restaurantes aos montes em todo quarteirão e andar de metrô é muito fácil.

    Sinceramente? Não tem porque ficar com medo. Eu tinha mais medo de saber me virar com relação a documentação de imigração, aeroporto e essas coisas do que lá hehehe!

    Bjs!
    Evelyn
    http://newromantic.net

    ResponderExcluir
  3. Então, Arash. Com certeza a companhia dos meus amigos será sensacional! Mas e se eu acabar justamente perdendo a oportunidade de conhecer pessoas maravilhosas, que também serão grandes companhias? :(

    :*

    ResponderExcluir
  4. Linda, acho que vc deveria ir com os seus amigos. Eu nunca viajei sozinha, nao consigo imaginar como deve ser estar num lugar desconhecido sem nenhum "apoio". E estar com amigos sempre rendem boas historias, ne? Sem falar que vc tera alguem para bater suas fotos, para vc conversar nas horas e horas que passara no aviao e para falar sobre como essa experiencia esta sendo maravilhosa pra vc, no exato momento q vc estiver vivendo isso!

    Beijos.

    www.tahgarela.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Viajar no verão não é bem uma opção minha, Evelyn. É que a galera trabalha e/ou estuda, né? Então não é exatamente simples mandar todo mundo matar as aulas e o trabalho pra viajar. HUAHUAHUA.

    Tu é a segunda pessoa que já dez intercâmbio a me tranquilizar! Não fazia idéia desses passeios da EF. Acho que facilitaria muito a minha vida. Só não sei se não me perderia em Londres mesmo, viu, porque nem em Florianópolis eu me garanto tanto assim. :(

    :*

    ResponderExcluir
  6. Pois é, Tatah. Já viajei pra fora com amigos e já percebi como é bom ter alguém pra dividir as despesas de um eventual táxi, da comida, até mesmo pra entender a porcaria do mapa! HAHAHA. Além disso que tu falou, de dividir as histórias, conversar pra caramba, tirar fotos...

    Ai, tou mais indecisa do que antes de escrever esse post, HUAHUAHHUA.

    :*

    ResponderExcluir
  7. Fazer turismo é bem mais legal que fazer curso de inglês, com certeza. Já que você já vai estar na Europa, vai valer muito mais a pena conhecer outros lugares aproveitando a companhia do que melhor o seu inglês, acredite em mim!

    ResponderExcluir
  8. Se você for a intercâmbio, você pode turistar também e tranqüilamente. Quando eu fui para o Canadá, lá na escola, eles nos davam a opção de no meio do curso, a gente fazer uma pausa de uma semana a quinze dias pra poder viajar, conhecer outras cidades e depois retomarmos de onde paramos. Talvez você possa fazer isso pra conhecer outros países da Europa. E fora que havia várias excursões que a escola fazia com os alunos.

    Pra turistar sempre é bom ter companhia, mas para o intercâmbio em recomendaria ir sozinha, pois te dá mais chance de se aproximar das outras pessoas,conversar mais em inglês e de se soltar mais. Sempre dá medo viajar sozinho, mas você vai conhecer muitas pessoas e fazer muitos amigos.

    Assim, acho que com o intercâmbio você aproveitaria mais. Pois daria um up no inglês e faria o turismo do mesmo jeito.

    ResponderExcluir
  9. Eu não sei se teria alguma pausa no meu intercâmbio, Phanie, porque ele duraria só um mês. Mas só de saber que rolam umas excursões já me deixa bem mais animada! Hahaha.

    E eu sei que o melhor é fazer intercâmbio sozinha... Até pra treinar o idioma e tal. Mas nem é esse o meu problema. O problema é que eu normalmente não me solto! HAHAHA. Não faço isso com quase 23 anos na cara e morando na mesma cidade desde sempre. Quer dizer.

    Obrigada pela opinião, querida. :*

    ResponderExcluir
  10. Também estou planejando ir para Londres e estou sofrendo o mesmo que você. Estou mais perdida em relação a companhia, que não terei nenhuma. É um grande passo ir pra um outro país sozinha e se virar lá sem ninguém com você.

    Beijos,
    http://labellejournal.blogspot.com ♥

    ResponderExcluir
  11. Mas tu já resolveu se vai passear ou fazer intercâmbio, Alane? Porque acho que definir isso é o mais importante. O resto acho que se arranja. Pelo menos é o que eu espero.

    Boa sorte, querida. <3

    :*

    ResponderExcluir
  12. Eu também queria não fazer planos.Para me frustar menos,eu não consigo..sou uma sonhadora. rs

    http://www.avidaemletras.com/

    ResponderExcluir
  13. Acho que sonhar e se frustrar são coisas normais, Dani! Não tem porque se refrear, haha. E boa sorte na realização dos teus sonhos. :)

    :*

    ResponderExcluir
  14. Sempre tive vontade de ir para Inglaterra fazer intercâmbio e meu pai sempre me enganou, dizendo que iria deixar, kkkk.
    Enfim, acho que as duas opções são muito validas, se você for só dá para usar esse tempo como um "teste" de "sei me virar sozinha" mas, com amigos tudo fica melhor né, se eu estivesse no teu lugar eu provavelmente iria só, pelo fato de não ter ninguém no momento que possa ir comigo mas, eu ia bem feliz. Oras, estou na terra da rainha, tem algo mais mágico do que isso? E pelo que eu li tu guardou dinheiro né, olha que fofo é algo que você aguarda com muita vontade né ... Independente da forma que você for, espero que dê tudo certo *-*

    ResponderExcluir
  15. Olá Kamylla! Então, não vou te dizer o que você tem que fazer, vou te dizer o que eu faria. Pois bem, se eu tivesse condições (ou paciência para esperar mais um pouco), eu iria fazer um intercâmbio, e é o que planejo fazer. Sabe, um mês é mais tempo que uma semana, e pelo o que vejo do seu sonho ainda é pouco. Uma semana para Londres não é nada, acredite. E outra, por mais que a gente diga que mesmo com companhia brasileira por lá a gente continua aberto a conhecer as pessoas de LÁ, é mais complicado. Sozinha a gente tem que se virar, treinar mais ainda o inglês, ganhar mais responsabilidade e fazer o que "quiser". EU faria um intercâmbio sozinha para curtir a cidade por um pouco mais de tempo e do jeito que me der na telha, e ainda aproveitaria para conhecer uns gatinhos ingleses, kkkk, brincadeira.

    Mas aí você tem que parar pra pensar se você tem maturidade pra isso, se você consegue se virar sozinha lá, e não tem muita timidez para fazer amizades londrinas.

    Eu sei que é complicado, mas fique sabendo que Londres é incrível de qualquer jeito!

    http://pequenaaventureira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Intercâmbios são sempre interessantes, seria ótimo se você pudesse conciliar visita com estudo do inglês (se bem que se eu não me engano tu disse em algum post que nem gosta muito do sotaque inglês o que vejo como um ponto negativo pra quem vai fazer um curso D: )... também acho que se o estudo for te impedir de algum jeito de visitar um ou mais lugares que você gostaria, não vale a pena, foi um bom tempo de espera e juntando dinheiro que eu acho que tem de ser aproveitado ao máximo com DIVERSÃO!

    Sobre se virar, eu imagino o nervosismo, mas acredite na hora do "sufoco" a gente se vira melhor do que imagina, digo isso por experiência própria ... eu sou tímida, falo pouquíssima coisa em inglês, mas sobrevivi a aeroportos e trem lá pela Alemanha \o (claro que não peguei trem para passeio turístico nem nada ... só de uma cidade a outra ... mas já foi uma aventura (Y) ), o que quero dizer é que a língua e transporte não será problema, se você tiver o mínimo de conhecimento em inglês, e essa vontade que vemos por aqui de passear pela terra da rainha \o

    Sobre ir com amigos ... eu acho que eles dão mais segurança ... e se eles querem visitar os mesmos lugares que você ... VÁ COM ELES! :P

    Independente do que decidir, tenho certeza que vai ser maravilhoso *.*

    Bjos!

    ResponderExcluir
  17. P.S: Com amigos mesmo que algo não saia como o planejado tem alguém pra dividir isso contigo (:, o que tb é um baita ponto positivo! :P

    ResponderExcluir
  18. Quero ir pra fazer intercâmbio e quem sabe morar lá!

    Beijos,
    http://labellejournal.blogspot.com ♥

    ResponderExcluir
  19. Turismo e intercâmbio são duas experiências mtu diferentes. Fui para a Inglaterra há dois anos como turista e adorei, mas se tivesse ido como intercambista com certeza teria tido outras experiências e visto a viagem com outros olhos. Acho que vale a pena vc fazer as duas opções. Eu mesma quero retornar a Inglaterra, mas dessa vez para passar um período que ultrapasse os 15 dias da outra vez e para que eu tenha novas experiências, estava pensando seriamente em fazer um intercâmbio para lá quando ingressasse na faculdade, oq não falta mtu. Espero que consiga sair de seu dilema e decidir-se ^^ De qualquer forma, as duas opções são válidas :D

    http://autoracarolinaribeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Então, Mylla, mesmo no meu caso que era só de um mês ele deixavam fazer isso. Mas talvez fosse coisa só da minha escola. Sei lá. E assim, eu sou tímida demais, custo a fazer amizades, mas quando se está sozinho em outro país as coisas acabam sendo diferentes.

    Espero que sua indecisão acabe logo. É muito ruim esse sentimento.

    <3

    ResponderExcluir
  21. Se te serve de consolo, eu pai também sempre jurou de pé juntos que me daria uma viagem pra Grécia, Pâm! HUAHUHAUHA. Obrigada pela opinião, querida. É tão bom saber o ponto de vista da galera! <3

    :*

    ResponderExcluir
  22. Meu maior problema foi justamente o que tu mencionou, Alice: uma semana é extremamente pouco pro tanto que eu esperei até aqui! Sei lá, eu não tou especialmente interessada em conhecer pessoas ou aprimorar o meu inglês, haha. Quero é namorar a cidade, o resto que se dane. E não é tanto uma questão de maturidade, mas sim de personalidade. Sou aquele tipo de pessoa que custa a pedir ajuda quando tou dentro de uma loja ou num restaurante, sabe? E duvido muito que Londres vá me fazer mudar. HAHAHA.

    :*

    ResponderExcluir
  23. Ah, mas eu duvido muito que um mês em Londres vá me fazer pegar aquele sotaque feioso dos ingleses, Mônica. HAHAHA. E, por outro lado, auxiliaria bastante se eu quisesse aprimorar a escuta...

    Ainda fico com uma dor no coração quando lembro que tu deixou a Alemanha, mulher. :(((

    Obrigada pelo conselho! :*

    ResponderExcluir
  24. Ah, sim, entendi, Alane! E lá vai aaanos de planejamento e poupança, né? Muito boa sorte!

    :*

    ResponderExcluir
  25. E quanto tempo tu ficou por lá, Carolina? Duas semanas? Tu acha que esse tempo foi suficiente pra tudo que tu queria ver? Só tem um pequeno probleminha com fazer os dois: dinheiro! Hahaha. Sei lá, minhas finanças são tão contadas e eu quero conhecer tantos lugares...

    :*

    ResponderExcluir
  26. Nossa, eu jurava que tu tinha passado mais tempo, Phanie! o.o Será que eu consigo dar um pulinho em Paris então? HAHAHA.

    Minha indecisão deve durar até o fim desse mês. Vocês tão me ajudando bastante. <3

    :*

    ResponderExcluir
  27. Fato... Existe vida depois da faculdade eheheheh... A escolha é sua garota, mas certamente a viagem com os amigos será bem mais divertida...

    ResponderExcluir
  28. Isso sim é o que chamamos de impasse, mas algo extremamente quando se toma uma decisão importante como essa. Viajar é algo que requer planejamento e cautela quanto a todos os detalhes. E quando se tratar de viajar para outro país, se triplica... Mas acho que o que você deve fazer mesmo, é ''colocar na balança'' o que realmente quer. Conhecer Londres é um fator indiscutível, mas como aproveitar cada segundo por lá? De qualquer maneira, se viagem será incrível, tenho certeza disso. Não sei se ajudei em algo, mas espero.

    Beijos, Herlene
    http://ahoradevirarborboleta.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  29. Meu, é melhor ir bem acompanhado...

    ResponderExcluir
  30. Nem me fala de vida pós-faculdade, Aline! Essa é outra coisa que deve me preocupar em breve, HAUHAUHAHUAHA. Nunca viajei sozinha, minha experiência de viagem com amigos é bem maior e muito positiva, de fato. :)

    :*

    ResponderExcluir
  31. Ajudou sim, Herlene. :3 Ainda bem que comecei a pensar nessa viagem com bastante antecedência, seja qual for minha escolha, vou ter bastante tempo pra planejar com calma.

    Muito obrigada. :*

    ResponderExcluir
  32. Nada como boas companhias pra viagens, certo, Dreds? HAHAHA. :)

    ResponderExcluir
  33. Incrível o seu blog! até adicione no meu blogroll.
    quando comecei o meu eu estava indo pra Holanda fazer intercâmbio ^^

    ResponderExcluir
  34. Ah, e uma coisa - acho que você deveria optar pelo intercâmbio.
    Você vai fazer amigos novos, e vai aprender TANTO sobre si mesma. Sério!

    ResponderExcluir
  35. Sim, acho que você deveria, é uma ótima oportunidade e, além disto, poxa, é Londres! Aproveite, mas pense bem em tudo com cautela!

    Bjin*

    http://florescerepalavrear.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  36. Obrigada pelo comentário e pela opinião, Marcela! Sabe que eu nunca conheci ninguém que foi fazer intercâmbio na Holanda? o.o

    :*

    ResponderExcluir
  37. Deveria o quê, Samyle? Não entendi o teu comentário. XD

    :*

    ResponderExcluir
  38. Bem, eu iria pela opção fazer turismo muito bem acompanhada! É o que eu pretendo fazer... Mas sei que isso iria prejudicar um pouco você aperfeiçoar o seu inglês...
    Era o que eu faria! =]

    Beeeijos

    ResponderExcluir
  39. Eu nem tou seriamente preocupada em aperfeiçoar meu inglês, Ju. O que eu quero mesmo é passear. XD HAHAHA.

    :*

    ResponderExcluir