As primeiras horas em Londres

22 janeiro 2014

Nossa vizinhança em Londres. Apenas saudades.

Depois de passar pela imigração, nossa próxima missão era encontrar o caminho até o hostel. Carol e eu decidimos que faríamos esse percurso de trem, já que as outras alternativas eram um tanto caras e nós teríamos de contratar um serviço de transfer para o vôo de volta de qualquer jeito por causa do horário. Compramos os bilhetes (depois da máquina cuspir milhares de moedas em cima da gente!)e lá fomos tentar nos virar.

A viagem de Gatwick até King’s Cross St. Pancras é um tanto longa e nós ficamos com um baita medo de nos perdermos, mas no fim deu tudo certo. Mesmo ali, com as casinhas de tijolos à vista passando diante dos meus olhos, eu não conseguia acreditar que realmente estava em Londres. E, pensando bem, acho que até agora não caiu a ficha de que eu já pisei na cidade da rainha.

Uma das poucas fotos que consegui tirar do lado de fora da estação, porque ela tava em reformas. :(


Quando chegamos na estação, corremos de um lado para o outro com as nossas malonas para descobrir em qual direção ficava o hostel. Por sorte, um inglês super bonitão sacou o celular do bolso, fez uma pesquisa rápida e conseguiu nos indicar a direção correta: era só entrar na segunda rua à direita de King’s Cross, caminhar um pouquinho e lá estava o Journeys.

Fizemos o check-in, levamos nossas coisas pro quarto, trocamos de roupa e, mesmo um pouco cansadas, decidimos explorar os arredores. Descobrimos que além da proximidade com a estação, a localização do Journeys oferecia outras facilidades como um Tesco do outro da rua, um McDonald’s, uma Starbucks e alguns pubs. Sem contar que a vizinhança era absolutamente adorável.


Mas explorar a região, no meu dicionário e no da Carol, significava dar uma bela fuçada em King’s Cross. Acho que nunca comentei, mas nós duas meio que nos conhecemos por causa de Harry Potter, então não tinha como a gente começar a nossa viagem por outro lugar que não King’s Cross. Acabamos descobrindo que a estação mereceria uma visita mesmo que a plataforma 9 ¾ não estivesse lá!


Quanto à plataforma 9 ¾, ela tá sempre cheia. Tipo, sempre. Nós passamos por lá em várias ocasiões e só tivemos coragem de entrar na fila pra tirar fotos nos nossos últimos dias. Ainda assim, minha foto nem ficou tão boa, hahaha. Mas vale a pena só pelo carinha que coordena a fila, ele simplesmente não consegue parar de falar e é muito engraçado. Até eu, que sou meio tímida, interagi com ele.


Do lado esquerdo da plataforma está a The Harry Potter Shop. É ali que se pegam as fotos tiradas na plataforma, inclusive. Tem muita coisa realmente bacana na loja, mas os preços são um tanto proibitivos. Sorte minha que o meu fanatismo por Harry Potter já passou há alguns anos, porque se eu tivesse ido pra Londres nessa época, certamente teria deixado uma bela grana ali.


Depois de explorar a estação, demos uma parada na Starbucks para o nosso primeiríssimo frappuccino e depois voltamos para o hostel, porque estávamos realmente exaustas. Além do mais, nosso plano era dormir cedo quase todos os dias para levantar cedo e aproveitar tudo ao máximo. E o dia seguinte, de fato, gastaria todas as energias que nós conseguimos reunir.

16 comentários

  1. Ah, que legal!
    Algum dia quero viajar até a cidade da rainha para visitar a Plataforma... e a cidade inteira :P

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Certeza que em breve tu estará lá. <3

      Excluir
  2. Você mal deu os primeiros passos em Londres e já viu tanta coisa apaixonante! *---*
    Harry Potter, Starbucks, trens! <3
    Vou seguir sua viagem quando eu for de cima em baixo. Hahaha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O dia seguinte foi muito, muito mais apaixonante! Hahaha. :D

      Excluir
  3. Ai, que saudades desse lugar. Vendo suas fotos me deu uma nostalgia gigantescaaa! E as suas primeiras horas foram ótimas horas, hein? Viu tanta coisa legal. Mal posso esperar para saber o que vocês viram depoooois *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Mih, pior que eu tô mexendo nas fotos pra preparar os posts e morreeeendo de saudades. :~

      Excluir
  4. Como não amar Harry Potter, né? Eu conheci as minhas melhores amigas por meio do bruxinho, então não tem como dizer que eu não sou fã e que eu pirei pouco com as fotos! Londres parece ser tudo de bom, Mylla! :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Ana conheci minhas melhores amigas por causa de Harry Potter também. :D

      E Londres é amor puro, só isso que digo. <3

      Excluir
  5. Eu fui em King's Cross e na Plataforma 9 e 3/4 depois de visitar os estúdios! *-* E já tinha passado das 18h ou 19h, então nem peguei fila pra tirar foto hahaha Como fui acompanhada de uma amiga, ela tirou minha foto "atravessando" e não precisei pagar por ela. Ah, outra coisa! Tem uma outra loja perto da Harry Potter shop que vende artigos da série e também outras coisas nerds: comprei um pomo de ouro menos elaborado e uma Tardis do Doctor Who, cada um por seis ou sete libras. É uma alternativa caso você não queira dar 70 libras num artigo de luxo, mas ainda quer um souvenir especial. ;)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Cara, nem tive coragem de gastar meu suado dinheirinho indo nos estúdios! Cheguei a pesquisar os preços mas fiquei tipo "ok, nem gosto tanto de Harry Potter assim, próximo item da lista". HAHAHAHAHA. E dá pra tirar fotos na plataforma com a própria máquina mesmo quando os carinhas da loja tão lá. :)

      Essa loja que tu tá falando é dentro da própria estação? A única loja nerd além dessa de Harry Potter que eu visitei foi a Forbidden Planet, mas a que eu fui fica perto da Oxford Street. xD

      Excluir
    2. É na King's Cross, bem perto da loja do Harry Potter, mas não tem nada muito especial na fachada pra indicar não. É uma espécie de livraria que vende esses artigos.

      E Forbidden Planet é o PARAÍSO! Minha sorte foi que só apareci lá no meu último dia em Londres, senão tinha gastado quase todo meu dinheiro lá hahahhaa

      Excluir
    3. Ah, acho que sei o que é então! Eu fui lá, HAHAHA. Comprei uns livros e outras tranqueirinhas. xD

      Também deixei pra ir na Forbidden mais pro fim da viagem. Decisão muito sábia, de fato. xD

      Excluir