Sites que podem ajudar você a escolher onde se hospedar

11 julho 2014


Escolher onde se hospedar é uma das partes mais difíceis no planejamento de uma viagem, na minha opinião. Como já comentei outras vezes por aqui, conforto, economia e boa localização são variáveis de uma equação que nem sempre dá para resolver. Aí vai de cada um decidir quais são as prioridades e do que é possível abrir mão.

Por sorte, a internet está aí para ajudar todos os tipos de viajantes, dos mais sofisticados aos econômicos. Sites especializados em diversos tipos de hospedagem contam com descrições dos serviços oferecidos, disponibilidade de datas e vagas, fotos, sistema de reservas e, o mais interessante, comentários de pessoas que já se hospedaram nos locais.

Pensando nessa diversidade toda, separei alguns sites que podem ajudar na hora de definir a forma de hospedagem no destino dos seus sonhos. Vai que o simples sofá da sala de estar de um morador local não acabe fazendo a sua cabeça e o ambiente acabe se revelando tão acolhedor quanto o de um hotel estrelado?

Trivago

É o maior site de comparação de preços de hotéis do mundo. Ele funciona de um jeito bem simples: o sistema de busca consulta centenas de sites dedicados a reservas e entrega o resultado para o usuário de uma vez só. O Trivago também apresenta os comentários que os usuários deixaram em outros sites, como o Hotels.

Hostelworld

Foi o site que eu usei para pesquisar e reservar minha hospedagem em Londres. Através do Hostelworld você pode saber tudo a respeito do lugar onde vai se hospedar, desde os serviços oferecidos até as opiniões de pessoas que já estiveram lá. O site não cobra taxas relativas às reservas e o sistema é totalmente seguro.

AirBnb

Em algumas cidades, vale muito mais a pena alugar um imóvel do que se hospedar em um hotel ou até mesmo ficar em um hostel. E é justamente essa é a proposta do AirBnb: conectar moradores e turistas interessados em negociar casas, apartamentos e quartos. Uma boa opção para quem quer ficar por mais tempo ou ter uma experiência mais próxima do real!

Couchsurfing

E se a sua experiência próxima ao cotidiano dos moradores locais fosse enriquecida... Com moradores locais? Basicamente, essa é a idéia do Couchsurfing. Moradores do mundo inteiro oferecem quartos, sofás ou mesmo os colchonetes de suas casas a viajantes. Parece loucura, mas essa é uma das formas mais baratas de viajar: o Couchsurfing é totalmente gratuito.

E aí, que tipo de viajante você é? Você prefere hotéis mais calminhos, gosta do clima animado dos hostels ou quer viver como os moradores de uma cidade vivem? Conta aí nos comentários!

12 comentários

  1. Você teve algum problema? Tô querendo dicas pra uma pousada em Paraty, mas não tinha idéia de onde procurar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, nunca tive problemas com essas reservas on-line. :)

      Excluir
  2. Kamylla, é muito bom ver o blog a todo vapor de novo! Estou dando uma passadinha aqui só para te agradecer! Quando comecei a ler o Blog, me apaixonei por Londres e graças a você, corri atrás de muitas coisas e dia 22 estou indo conhecer a tão amada cidade. Meu irmão está fazendo intercâmbio em Londres desde o começo do ano e pretendo ir também... Enfim muito obrigado por Tudo! muito sucesso pra vc! bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, que comentário mais lindo! É esse tipo de mensagem que me motiva a continuar com o blog, espero que tu ame Londres tanto quanto eu. <3

      Excluir
  3. Oi,Primeiro quero dizer q seu blog era oque eu estava procurando ja to seguindo :)
    Bom,li um post seu quando viajou a Londres menor (emancipada) eu tambem fui emancipado tenho 17 anos e pretendo conhecer a inglaterra,na imigracao como vc comprovo que era emancipada? traduziu,legalizo no consulado,etc pode me explicar?? mt Obrigado !

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Paulo! Então, quando viajei pra Londres já era de maior de idade, então não sei te responder quais são os procedimentos relativos a emancipação. :/

      Excluir
  4. Ah,entao vc se referiu a entrevistada achei q fosse vc.. bom nao podes me passar E-mail,facebook dela ? eu precisava me informar sobre isso.. ;/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na apresentação da entrevistada não tem alguma forma de contato? Geralmente deixo links para conta de Facebook, Twitter e blogs. :)

      Excluir
  5. ah,nao achei .. sera q vc nao pode me passar o email dela isso iria resolver meus problemas se ela ainda usa algum ;/

    ResponderExcluir
  6. http://www.hey-london.net/2011/10/intercambio-em-londres-experiencia-da.html
    maira? ;/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui o Facebook dela: https://www.facebook.com/maira.roman.9?ref=nm

      :)

      Excluir