Resenha: Journeys King's Cross Hostel

19 janeiro 2015


Encontrar um lugar para se hospedar em Londres é mais emocionante do que boa parte das sagas épicas que vocês conhecem. A cidade é muito cara, os prédios são meio velhos e itens como janela são absolutamente opcionais. Pois é! Se você quiser um pouco de ar fresco na Terra da Rainha, tem que pagar a mais. Assim não dá para ser feliz, né? Hahaha.

Enquanto pesquisava mais sobre as opções disponíveis, eu tinha em mente três coisas: não estava disposta a gastar muito, queria boa localização e não me importava tanto assim com a falta de conforto. No fim, cheguei à conclusão de que o lugar que melhor atendia a todos esses quesitos era um hostel chamado Journeys King’s Cross.

Localização

Provavelmente, este é o ponto mais forte do Journeys. Além de ficar pertinho da estação de King’s Cross - que é uma das maiores de Londres e é capaz de levar a qualquer lugar da cidade -, o hostel conta com a proximidade do Tesco, da Starbucks, do McDonald’s e de outras redes de fast food famosas por lá, além de alguns pubs e restaurantes. Legal, né?

Atendimento

Da recepção à limpeza, todo o staff do Journeys é (ou pelo menos era quando eu estive lá) muito simpático e acessível. O destaque fica mesmo para os meninos da recepção, que ajudam os hóspedes ao máximo e são extremamente bem humorados. Tenho algumas histórias engraçadas com eles que ainda quero contar por aqui!

Conforto

Carol e eu ficamos em um quarto só para nós duas e foi a melhor escolha que poderíamos ter feito, porque transformamos o lugar em uma verdadeira zona com as compras que fizemos! Hahaha. O espaço era bem pequeno e não tinha ar condicionado, mas a cama era bem confortável e o ventilador dava conta do calor que fazia por lá. Para mim, a parte mais desconfortável era não ter um banheiro privativo. Com o tempo você pega o jeito e se vira bem, mas não era tão incomum eu esquecer alguma coisa importante ou encontrar todos os chuveiros ocupados. Além disso, não era tão fácil regular a água e eu tive que aguentar vários banhos quentes em pleno verão. De chorar.

Café da Manhã

Não, o café da manhã do Journeys não tem nada de genial. Mas é bom o suficiente, principalmente se levarmos em consideração o fato de que não se paga nada a mais por ele. Café, sucos, pães, cereais, iogurte, manteiga e pasta de amendoim fazem parte do cardápio diário do hostel e com certeza seguram a fome até a hora do almoço.

Limpeza

Eis um ponto em que o hostel poderia melhorar bastante. Não que ele seja imundo ou algo do tipo, mas o serviço de quarto consiste em uma simples troca de sacos de lixo. Ter gente arrumando a cama todo o santo dia é totalmente dispensável para mim, mas acho que trocar os lençóis de vez em quando é uma coisa básica e não rola por lá.

Preço

Na época em que eu fui para Londres, a tarifa do Journeys correspondia à diária de um hotel bacaninha aqui no Brasil (mais ou menos uns R$ 100,00). Claro que não era a situação dos meus sonhos, mas foi a melhor relação custo-benefício que eu consegui encontrar. Se voltasse à cidade hoje, provavelmente me hospedaria lá outra vez.

E então, o que acharam do Journeys? Conhecem outras opções de hospedagem bacanas em Londres? Comentem!

9 comentários

  1. É uma opção , mas acho que eu não ficaria , fiquei com medo do estado em que os lençóis se encontravam e.e sahsuhashsuahs'
    E em relação a segurança Mylla , como era lá ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É só cuidar pra não sujar. :P Hahaha.

      Achei seguro, saí da Inglaterra duas vezes, deixei minhas coisas no hostel e tudo ficou no seu devido lugar. :)

      Excluir
    2. Acho que o problema maior seria pensar na sujeira acumulada das outras pessoas que usaram o quarto antes de mim hsuahsuahs' credo ...

      Excluir
    3. Eles não trocam durante a tua estadia (se tu quiser roupa de cama limpa, tu mesmo lava), mas não deixam eternamente lá, né? :P

      Excluir
  2. Lembrando da água fedegosa de Londres e chorando.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu ia comentar sobre isso, mas acho que não é culpa do hostel. XD

      Excluir
  3. Ai, esse banheiro coletivo, eu não sei. Não sou a pessoa mais fresca do mundo, acho que nem ligaria tanto deles não trocarem a cama durante a minha estadia, mas tenho um problema com banheiros, preciso que eles sejam privativos, senão fico mal a viagem toda. Vou ter dificuldade de encontrar hospedagem então. u.u

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que tu vai ter um pouco de dificuldade, sim. :/

      Excluir