Diário de bordo de Salvador - Primeiro dia

23 março 2015


Fala, galera! Finalmente estou em casa e vou contar tudo sobre a minha viagem. Para situar quem não me acompanha nas redes sociais, viajei para a Bahia há quase duas semanas para visitar a minha mãe e já aproveitei para conhecer algumas cidades, entre elas Salvador. Passei dois dias na capital e vi boa parte dos pontos turísticos mais famosos.


Como não poderia deixar de ser, comecei meu passeio pelo Centro Histórico de Salvador, que é um pouco diferente do que eu imaginava. É claro que dezenas construções coloniais estão lá e são do jeito que eu sempre pensei, mas eu imaginava uma quantidade maior de ruas largas, sabem? Acho legal essas diferenças entre o que a gente pensa, o que vê em fotos e a realidade, hahaha.





Descendo pelas ruelinhas do Terreiro de Jesus, logo a gente chega ao Largo do Pelourinho, que é a parte mais famosa do Centro Histórico. É ali que fica a Fundação Casa de Jorge Amado e foi onde Michael Jackson gravou o clipe de They Don’t Care About Us. Ou seja, é o pedacinho de Salvador que todo mundo já viu em algum momento da vida.

Infelizmente não tive muito tempo para explorar o acervo da Fundação Casa de Jorge Amado do jeito que eu queria, mas estava toda feliz e saltitante por lá, hahaha. Fotografava quase tudo o que via pela frente e surtava toda vez que via uma citação dele sobre Salvador. Por conta disso, acabei comprando um livro que fala sobre a cidade: Bahia de Todos os Santos.



Fazendo o caminho de volta pelo Terreiro de Jesus, parei por um momento para fotografar o Elevador Lacerda e o Mercado Modelo. Em seguida, desci o elevador e fui explorar o mercado, que vende lembrancinhas de viagem, basicamente. Acho que a vale a pena dar uma boa volta antes de comprar qualquer coisa, porque vários estandes vendem os mesmos produtos.



Depois de uma pausa para o almoço, segui para a Igreja de Nosso Senhor do Bonfim, que fica meio afastada do Centro Histórico. Ela é incrível por dentro e tudo mais, mas o que realmente chama a atenção são as fitinhas presas na parte da frente. Também queria ter passado um pouco mais de tempo por lá, viu? O lugar inteiro é lindo demais!

Dei uma volta rápida pela região da Ribeira e aproveitei para passar na sorveteria de mesmo nome, que existe desde 1931. Não cheguei a tirar fotos do lugar nem nada disso, mas o sorvete que tomei lá provavelmente foi o melhor da minha vida inteira. Meus próximos destinos de viagem vão ter que se esforçar muito para conseguir tirar esse mérito de Salvador.



No meio da tarde, resolvemos encarar a travessia até a Ilha de Itaparica! O trajeto é feito por ferry boat e dura quase uma hora. Algumas embarcações são simplesmente incríveis e outras nem tanto, então a viagem é meio que uma questão de sorte. Eu, por exemplo, tive uma baita sorte da ida e um azar tremendo na volta, hahaha. Mas acontece.




Cheguei lá a tempo de aproveitar o restinho do dia e um pôr do sol de tirar o fôlego. Acabei ficando pouco mais de uma hora, mas a impressão que tive é que é um lugar onde os turistas costumam frequentar para dar uma boa relaxada, sem estresse. Bem parecido com o que acontece em algumas das praias menos badaladas aqui de Florianópolis.

Bom, quem conhece Salvador sabe que esse meu passeio foi uma baita correria! Acho que ele poderia ter sido divido tranquilamente em dois dias, mas esse era exatamente o tempo de viagem que eu tinha disponível e eu queria aproveitar ao máximo. Até o fim dessa semana, conto para vocês o que vi no meu segundo dia por lá!

10 comentários

  1. Já fui duas vezes pro centro histórico de Salvador, é bem legal... adoro a arquitetura. As igrejas são maravilhosas por dentro. ^^

    Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei chocada com as igrejas que vi por dentro! Hahaha. :O

      Excluir
  2. Tenho vontade de conhecer essa cidade *-*
    Quero mais fotos viu?

    www.chaeamor.com

    ResponderExcluir
  3. Amei suas fotos.
    Da Bahia só conheço Porto Segura e algumas cidadezinhas do interior. Ainda não fui à capital, mas queria conhecer. Não sabia que sua mãe estava morando na Bahia. Achei que ela tivesse se mudado pra algum lugar em Santa Catarina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não, ela se mudou para o interior da Bahia! Hahaha. Aí conheci algumas outras cidades pequenas que vou mostrar aqui depois.

      Se tudo der certo, Porto Seguro é o destino da minha próxima viagem para o nordeste. :D

      Excluir
  4. Ai, que lindo. Desde 2005 que tenho uma crush por Salvador, acho que desde quando comecei a conversar com a Letícia, na época das fanfics. Adorei suas fotos! *-*

    Também achei meio corrido seu passeio, mas entendo quando temos pouco tempo e tanto lugar para conhecer. Aconteceu isso comigo em SP ano passado. Mas valeu a pena a correria. :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre vale a pena a correria, né? Fica um baita gostinho de quero mais, haha. :D

      Excluir
  5. Fiquei com mais vontade ainda de ir a Salvador menina.

    ResponderExcluir