Cidades e seus apelidos

31 agosto 2015

Vocês já notaram que as cidades têm apelidos? Das mais famosas àquelas que só a gente conhece, parece que todas contam com características ou histórias capazes de distingui-las das demais. Pensando nisso, resolvi correr atrás da origem de alguns termos bem famosos e compartilhar aqui no blog. Confiram o que eu descobri!

Londres (The Old Smoke)


Nada lisonjeiro, o apelido de Londres nasceu depois de um nevoeiro que durou cinco dias. Poluição atmosférica, frio e falta de vento foram os principais ingredientes para o fenômeno, que matou 12 mil pessoas e deixou mais 100 mil doentes. Ao longo dos anos seguintes, o parlamento inglês aprovou uma série de normas para tentar garantir a limpeza do ar.

Paris (Cidade do Amor e Cidade Luz)


Considerada a cidade mais romântica do mundo, Paris oferece cenários perfeitos para aqueles que desejam viver momentos a dois - e as maiores provas disso são seus prédios, jardins e cafés, que são incrivelmente charmosos. A capital francesa também é conhecida como “Cidade Luz” por ter sido a primeira cidade europeia a instalar lâmpadas elétricas nas ruas.

Roma (Cidade Eterna)


Fundada aproximadamente em 753 a.C., Roma é a capital mais antiga de toda a Europa. Mas não é isso que explica o seu apelido! Na antiguidade, os romanos já se referiam a ela como “Cidade Eterna” por acreditarem que existiria para sempre, sem se importarem muito com o que acontecia em outras partes do mundo ou com a ascensão de outros impérios.

Nova York (Big Apple)


A primeira vez que alguém usou o termo "apple" para falar de Nova York foi no início dos anos 1920, em referência às corridas de cavalos que aconteciam na cidade. Posteriormente, o escritor John Fitzgerald usou o termo "em torno da Big Apple" em um relatório sobre esses eventos. No final da década 1930, uma música chamada "The Big Apple" popularizou o apelido.

Buenos Aires (Paris da América do Sul)


Assim como tantas outras cidades ao redor do mundo, Buenos Aires morre de orgulho por se assemelhar a Paris. Notável pela grande concentração de teatros e cafés ao longo de suas ruas, a capital argentina realmente se assemelha à francesa por conta de sua bela arquitetura e do seu planejamento urbano, que conseguem fazer qualquer um se sentir na Europa.

Rio de Janeiro (Cidade Maravilhosa)


O apelido da minha cidade preferida no país é disputado! Alguns acreditam que ele tenha sido cunhado por Coelho Neto, escritor maranhense que ajudou a fundar a Academia Brasileira de Letras. Outros afirmam que ele só foi usado pela primeira vez para se referir ao Rio de Janeiro por Jeanne Catulle Mendès, poetisa francesa que se apaixonou pela Cidade Maravilhosa.

Florianópolis (Ilha da Magia)


Vocês sabiam que Florianópolis é conhecida como Ilha da Magia? E não, não tem nada a ver com as belezas naturais da cidade! O grande responsável pelo apelido é Franklin Cascaes, folclorista que registrou as principais lendas que rolavam entre os moradores daqui. São várias histórias de bruxas e de outras criaturas fantásticas!

Já conheciam a origem desses apelidos? Conhecem outros? Quero saber!

2 comentários

  1. Acabei de conhecer o blog e preciso dizer que já gostei muito! Compartilho o amor por viajar!!
    Desejo muitas viagens a todas nós hahaha, beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que o seu desejo se torne realidade! Hahaha. <3

      Excluir